a empregadinha gostosa…

Tenho 15 anos,moro com minha mãe, e temos uma empregada que vem de 15 em 15 dias limpar o apartamento…sempre que ela vem estamos fora,ora no colégio ora no cursinho. havi poucas vezes e nem nos falamos direito. Mais já percebi que ela e muito das gostosa,minha mãe não permite que fico em casa a sós com ela então fica na cola e sempre me leva pra colégio na hora que vai trabalhar e me liga o tempo todo. sabe como é né cuidado de mãe…ainda sou virgem,já tirei uns sarrinhos com algumas colegas do colégio mais nada de mais coisa de adolescente e umas punhetinhas na hora do banho em casa pra aliviar…mais um dia desses sai mais cedo do colégio e não avisei minha mãe, como nesse dia eu não teria cursinho fui pra casa estudar para prova do dia seguinte. Esqueci que era dia da moça limpar nossa casa…cheguei fiz um lanche e fui logo tomar um banho. Como estou acostumado estar sozinho não me preocupei em fechar a porta do quarto,estava muito quente então sai do banheiro enrolado na toalha deitei na minha cama e apaguei.passado algum tempo escutei um barulho na cozinha e vi que a moça ainda estava lá,meio sem graça perguntei se ela estava ali a muito tempo e ela me respondeu que não que havia saído pra comprar algumas coisa,e que nem sabia que eu estava em casa. Fiquei aliviado no momento mais não pude deixar de olhar ela de cima em baixo e que moreninha gostosa ela era… sentei ali na mesa e ficamos conversando um pouco,ai ela me falando que estava com muito raiva do namorado dela que pegou ele com outra e que se pudesse iria vingar dele,aquelas coisas de mulheres traídas. eu todo inocente fiquei ali só escutando…quando o telefone tocou,era minha mãe pra dizer que iria demorar pois teria uma reunião de trabalho. voltei pro meu quarto e fui estudar,não demorou muito ela chega na porta e diz trouxe um lanche pra vc eu nem olhei direito e disse pode colocar ai obrigado…mais notei que ela continuou ali parada a me olhar tenho 15 anos mais pareço ser mais velho corpo forte coxas grossas e costas largas, eu acho que ela pensou que eu fosse mais velho. De repente senti sua respiração no meu pescoço que me arrepiei todo confesso que fiquei com medo afinal nunca tinha ficado com alguém assim…então ela sussurrou no meu ouvido percebi que me comeu com os olhos agora pouco na cozinha e que tal vingar do meu namorado com vc. fechei os olhos e logo já senti suas mãos mas minha pernas que mesmo sentado tremiam.Fiquei ali sem nenhuma reação assustado.Ela deveria ter uns 22 pra mais um pouquinho, e com certeza não era mais virgem… era a minha chance.Bom pensei mal nenhum vai acontecer eu tinha umas camisinhas na minha carteira pois minha mãe sempre me alertava sobre isso e fazia questão de comprar pra min. envergonhado e nervoso ela foi logo tomando a iniciativa virou me de frente pra ela e ajoelhou na minha frente e começou a passar as mãos e mordiscar meu pescoço ate chegar onde ela queria e eu tbm, meu pau doía e latejava… nem quando eu batia punheta ficava assim. So senti aquela boca macia e quente ao mesmo tempo engolindo ele todo depois chupou meu saco e apertava meu pau achei que iria gozar naquele momento,então ela parou e disse agora é você meu garanhão gostoso da titia… e foi tirando a roupa bem devagar ela era profissional no que fazia,eu ali só olhando aquele monumento na minha frente. os seios dela durinhos e achatados bonitos muito bonitos, pediu que tirasse a sua calcinha foi quando eu joguei ela na minha cama de costas e parti pra cima dela como um animal.Quando ela disse calma garoto não é assim não venha que vou lhe ensinar de novo como se faz, mordiscou minha boca de levinho e foi empurrando minha cabeça para baixo até seus seios me guiou em um depois no outro… senti que ela ficou ofegante e contorcia toda vi que estava fazendo certo. logo levou minha cabeça pro meio das pernas dela senti um perfume maravilhoso,e pela primeira vez chupei uma bucetinha lisinha ela gozou na minha boca e pedia mais e mais…dizia algumas coisas baixinho me fode gostoso e que estava louca pra sentir meu pau na sua buceta…então senti que era a hora peguei logo uma camisinha e ela mesmo colocou em mim e abriu bem as pernas,confesso que nunca… nunca na minha vida tinha visto algo assim linda gostosa,só em filmes de sacanagem que eu via algumas vezes escondido.
fui sentindo um calor no meu pau a medida que eu ia entrando e ela cravando as unhas em minhas costas como se estivesse doendo,e pedia poe tudo gostoso poe…poe eu comecei a bombar cada vez mais forte, e ela cravando ainda mais as unhas nas minhas costas até que ela disse vou gozar de novo não aguento mais eu fiquei loco quando ouvi isso e bombei ainda mais forte e gozamos juntos. Eu nunca senti isso antes.Até hoje já com meus 18 anos ela continua trabalhando aqui em casa e sempre que posso faço um lanchinho com ela…claro minha mãe nem desconfia de nada segredo nosso.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,50 de 2 votos)
Loading...