A Foda da Minha Esposa

Casei tinha 20 ano e minha Esposa 19 morava no interior e eu na cidade, era virgem e eu não muito dotado, viemos morar na cidade e logo ela começou trabalhar no mesmo local que eu, decidimos não ter Filhos muito logo, sai em bailes sempre juntos ela não dançava com ninguém nem bebia, as amigas tentavam fazer ela entrar no rítimo mas sem chance, ai tinha um cara amigo nosso, saia sempre juntos com nos, eu comecei observar que ele comia ela om os olhos, um dia perguntei pra ela se ele tinha tentado ela respondeu que não mas senta que ele olhava diferente pra ela. quando foi um dia duas amigas nossas que sempre estavam nos acompanhando em festas fizeram um comentário sobre ele, que era o cara mais tarado da cidade que tinha ficado com um monte de mulheres e que gostava muito de senhoras casadas olharam pra minha esposa e sorriram ironicamente, e uma delas disse e olha você não leve a mal, mas acho que a proxima vitima é a Nicole nome que vou dar pra ela, ela vermelhou e ficou tudo sem jeito, resolvi ajudar ela e disse que não se preocupasse que não era ciumento, as amigas safada responderam que nesse caso elas aconselhavam pra eu sentir ciumes, se olharam e riram mais ainda, a Nicole me surpreendeu e perguntou; mas porque ele devia se preocupar? uma coxichou no ouvido da Nicole, ela me olhou assustada mas riu, em seguida o Alvaro como vou chamar voltou do banheiro e fomos todos dança; voltamos pra mesa todo alegres as bandidas das amigas Sandra Marcia como vou chamar, puxaram o assunto pense. o Alvaro ficou meio sem jeito vermelhou e me olhou, a Marcia disse não se preocupe Alvaro ele disse que não é ciumento, respondi que realmente não era, o safado olhou nos olhos da Nicole, ela baixou a cabeça; a Sandra a mais velha disse então ta combinado vamos todos dançar eu com O paulo meu nome, o Alvaro com a Nicole e a Sandra com o Namorado dela, a Nicole mei sem jeito me olhou muito assustada, respondi que sim poderia ir e saimos. qd terminou a musica voltamos todos ele trouxe a Nicole pema mão me entregou e agradeceu, e foi ao banheiro as meninas se olharam riram e uma disse, pronto ta sacramentado Nicole desse você não se escapa, viu a educação que ele tratou o casal? e sentamos ele voltou sentou tomamos mais alguma coisa, e logo fomos embora.
isso foi em Outubro, no final do ano tinha o baile dos Motorista na virada, um noite nos jantando um Restaurante qd olhamos o Alvaro e as duas e ja sentaram na nossa mesa, muito papo vinho etc. de repente ele tirou do bolso do casaco o convite e dosse, não aceito um não como resposta estou convidado pro baile de final de ano, as mesas ja esta pago e sentamos todos juntos e não se fala mais nisso, as meninas riram se olharam e piscaram maliciosamente, logo o Alvaro saiu e foi embora ela teceram comentários, ta combinado então respondemos que sim, não podia perder pois gostava nos dois do Baile, ela me olharam e riram de novo e a Sandra disse: acho que vai ser desta vez que o Alvaro vai realizar o sonho dele, dai a Nicole me falou quando chegamos em casa que uma das meninas tinha falado pra ela que o Alvaro quando queria alguma coisa conseguia e que era um animal, muito dotado e que ela tava com medo que não ia no bale, falei que não não podia-mos fazer isso com ele, ela respondeu é isso é né, deitamos senti ela bem molhadinha e com muito tesão, perguntei se tinha a ver com os comentários das meninas ela disse que sim que o Alvaro tinha pedido pra Márcia, qual a chance de fode a Nicole e que ela tava preocupada, mas riu, enfim chegou o dia do dito baile ela foi no salão se arrumou como uma princesa ela é boita realmente e gostosa. fomos todos tinha janta e baile jantamos o Alvaro discretamente quieto e educado. começou o Baile dançamos bastante tomamos umas cerveja bastante, observei que a Nicole não tomou quase nada nem o Alvaro, ela estava vestida com um vestido Preto lindo de mais tava um arraso todas afinal estavam de vestido, chegou a virada saimos todos na passeata voltamos logo pro baile, senti que o Alvaro começou olhar pra Nicole de um jeito mais tarado, e as meninas perceberam fiz de conta que não tinha visto nada, de repente ele se levantou e pediu se podia dançar com a Nicole respondi que sim, saimos todos dançando voltamos pra mesa as meninas estavam rido e me olhavam o Alvaro e a Nicole voltaram não deu de não observar que o Alvaro tava exitado e a Nicole vernelha e quieta, ele foi pro banheiro as meninas também, ela falou no meu ouvido que ele apertou ela mas não falou nada, perguntei porque ela rava assim respondeu que sentiu algo que atormentou ela perguntei se era o tamanho respondeu com a cabeça que sim, falei no ouvido se deu vontade ela não respondeu, ai voltaram todo mundo, ela me olhou e disse que queria ir pra casa, o Alvaro levantou pegou ela pela mão e disse que nem pensar era 1 hora da manha ela disse meu sapato ta me machucando Alvaro não aguento mais, a Sandra a nais safada disse resolvido vamos em casa pegar outro mas embora tu não vai, ai respondi que sim era isso mesmo, tomamos mais uma cerveja, ai a Márcia disse bom então vamos fazer assim o Paulo ja pediu o lanche dele, o Alvaro e a Sandra levam a Nicole trocar o calçado e fica tudo certo, ai gelei, mas respondi que sim podia ser, e a Nicole pra minha surpresa não disse nada, a Marcia me tirou pra dançar e fomos conversando, ela na lata perguntou se eu não tava preocupado, respondi que não não tinha motivo ela disse mas motivo tem mais que sobra vc conhece o Alvaro, pode ter certeza que a Nicole não escapa dele, se prepare respondi que ja tinha dito que não era ciumento e rimos voltamos pra mesa ela disse mas que bom que vc não tem ciumes da Nicole, ai perguntei se ela tinha transado com o Alvaro ela respondeu, vc sabe que ele não perdoa, e disse olha só ja era pra estarem de volta e nada, so dei risada conversamos chegou o lanche comemos ela começou se incomodar, falei relacha Marcia, demorou mais uma meia hora a Sandra entrou quieta, foi direto pro banheiro e nada dos dois, dali um pouco chegaram ele de novo pegou na mão dela e agradeceu a Nicole tava travada dava pra notar nas olheiras dela e os olhos vermelhos que foi pra vara, as meninas sentaram de volta me olharam e riram, o Alvaro todo sorridente e conversando mais, a Nicole comeu o lanche dela ele tambem, convidei a Nicole pra dançar respondeu om a cabeça que não, as duas cairam na gargalhada, a Sandra disse deixa paulo não ve que a Nicole esta com o Pé doido, a outra disse sera que é o Pé? ate a Nicole riu, ai a Marcia me convidou pra dançar e disse demoramos né Paulo, respondi que não tinha problema, ela disse não sei não, vc não vai brigar com a Nicole né respondi que ficasse tranquila ela riu e disse Uffa, e disse te disse que a Nicole não escapava do Alvaro né, eu disse eu sabia disso conheço o Alvaro. chegamos em casa ela contou que ele fiou ate com a calcinha dela e não deixou ela limpar vestiu a calcinha toda lambuzada de porra e sangue e que ele disse que ela não tinha perdido totalmente o cabaço que ele sentiu qd colocou a lingua e disse que foi so na entrada que no fundo estava intacta e disse que ela sentia isso que as amigas contava da primeira vez e com ela não foi assim, e que hoje sim ela sentiu algo que realmente arrombou, coloquei realmente tava lambuzada e totalmente arrombada, não briguei com ela e foi maravilhoso…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 2 votos)
Loading...