O tio viu

Eu sempre fui sapeca sempre gostei de brincar de esfrega nas pessoas ,já om meus 5 anos adorava ficar passando o dedinho nas minhas partes íntimas .
Um dia eu tava sozinha em casa , pois minha mãe tinha saído nesta época eu já tinha 7 anos tinha começado a estudar na parte da manhã e a tarde normalmente ficava algumas vezes só em casa e neste dia não foi diferente .
E assim que minha mãe saiu eu fui na cozinha ,lá eu peguei um objeto que ela tinha ,um daqueles socador de alho de vidro que era comprido e com duas bolas uma de cada lado eu costumava a usar aquilo para me masturba .começava passando meu dedinho quando ficava molhadinha minha xota eu passá cuspe no socador e introduzia aquele objeto nela eu ia as nuvem .
Neste dia aconteceu algo diferente ,eu ali na sala sem a parte de saído do de camiseta e sem nada por baixo .quer dizer sem nada não tava com o socador socado na xoxota ,e meu tio irmão mais velho da minha mãe entrou e me viu ali delirando ,de supetão ele disse tá louca menina .
Eu quando vi ele sai correndo pro meu quarto deixando na sala meu tio e minhas roupas e TBM o socador .
No quarto eu fiquei atrás da porta desesperada .
Passo um minuto e o tio bateu na porta chamado meu nome .
Eu por minha vez fiquei ali quieta , o tio disse abra agora o vô chamar teus pais.
Eu trêmula me emprulhei en um toalha que en encontrava ali e abri a porta toda trêmula .
Ele disse bonito né .
Eu fiquei vermelha de vergonha pois meu tio tinha 45 ano e sempre foi um homem muito rígido com suas filhas era na verdade um tirano .
Minhas primas sempre dizia que ele não deixa elas fazer nada .então qual foi minha supresa quando ele mandou eu tirar a toalha .
Eu disse que não tio ele .tira logo quero ver o estrago que vc fez aí em baixo menina .
Eu voltei a dizer que não então ele pego o celular e telefono para a mamãe .
Eu quando ouvi a voz dela no viva voz eu desmonte e deixei a toalha cair .
Ele por sua vez disse que disco por engano é dizendo que tava ocupado falaria com ela depois é desligou , e virando para mim disse com a voz ríspida deita na cama agora eu que já tinha me desmontada com o telefonema dele obedeci sem questiona mais .
Ele chego perto e pagando nas minhas pernas a abriu e olhando dentro da minha xoxota que ainda mesmo com o medo que eu tava ainda tava molhadinha .
Ele passo o dedo , assim que ele encosto eu senti algo diferente uma mistura de desespero ,pavor e tensão .
O tio de supetão enfio o dedo dentro da minha xoxota ,não resisti e soltei um gemido de prazer ele disse .pô menina vc já é uma putinha já não tem mais trega em lugar nenhum tão nova e já não é mais virgem eu retrucando disse que era virgem sim não tinha dado para nem um menino bem beijinhos eu tinha dado .
Pior ainda deu tua virgindade para um vidro .
Mais agora eu já sentir um pedaço de carne nela tirando a sua roupa eu vi aquele membro duro e enorme .
Eu disse não tio não vô aquentar e muito grande .
Ele para de choramingar pegando minha cabeça levo ala até sua pica e mando eu chupar eu tentei recusar ele pego o celular e disse não quer .então cai de boca naquela pica enorme que mau conseguia segurar com as duas mão ,chupei até ele encher minha boca com seu esperma , quase vomitei .
Ele se afastando deixando eu ali na cama desbuda tiro uma foto minha ali pelada dizendo hoje foi o primeiro de muitos dias , vc não vai mais precisar de vidro agora eu serei teu homem e vc será minha ,este será nosso segredo .

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,00 de 1 votos)
Loading...