Passei a viver quando conheci meu avô

Meu nome é jovita,tenho 20 anos e escrevo contos eroticos a 2 anos em outro site,sou morena,1.60 de altura e peso 58 kg e fui,como se diz hoje abusada por varios homens,desde meus 5 anos(que me lembro),gosavam em mim, desde garotos ate meu avo,hoje vou contar de quando arrombaram meu cu; eu tinha uns 6 anos e ja tinha chupado varios paus grandes pois vivia solta pelas ruas do bairro na zona sul de sao paulo,essa hitoria e real e so troquei o nome,na verdade fiz uma mistura e deu esse;vinha voltando pra casa depois de ter chupado o pau de seu roberto,dono da padaria do bairro quando encontrei dois garotos ,o paulo de 16 e julho de 15,quando me viram foram logo me chamando pre brincar com eles,eu bem putinha fui sem reclamar e eles me levaram pra casa deles,eles eram irmaos e ficavam sozinhos em casa o dia todo,eu ja tinha chupado o paulo e ele tentou enfiar na minha xereca,mas nao entrou,chegando la tiraram minhas roupas e fiquei chupando os dois,o pau de paulo eu ja conhecia mas o do irmao de 15 anos era mas grosso,chupava pra eles gosarem mas eles disseram que iriam gosar dentro eu por ser muito nova nao entendi,mas quando me viraram de barriga pra baixo com as pernas penduradas na cama comecei a entender,paulo passou uma pomada no meu cuzinho e o julho abriu minha bundinha,paulo colocou o pau bem na portinha e começou a forçar,tentei sair mas ele me segurou e o irmao tapou minha boca,senti muita dor mas depois ficou meio que dormente e ele ficou socando ate gosar,saiu de cima e veio o julho,senti meu buraquinho rasgar,e ele tambem meteu tudo e gosou la no fundo,quando terminaram me levaram pro banheiro e me lavaram,eu tava toda cagada e tinha ate sangue,disseram pra nao contar pra ninguem senao eu ia apanhar uma surra deles,fui pra casa e nao sai mai aquele dia,meu cuzinho ardia e a barriga tava doendo; no outro dia ja nao doia muito e fiquei brincando p´perto de casa,ai eles passaram e disseram pra eu ir na esquina pra eles falarem comigo, mesmo com medo fui e eles marcaram pra eu ir na casa deles no outro dia depois do almoço nao disse nada mas no outro dia tava eu la de novo,eles repetiram tudo e depois deles gosarem me lavaram e me mandaram ir pra casa,meu cuzinho ardia um pouco mas eu ainda chupei o pau de um vizinho,depois desse dia eles metiam sempre,as veses juntos outras veses so tinha um,nao sei como isso se espalhou,mas tive que dar pra mais alguns que antes eu so chupava,mas dificil foi quando o vizinho ficou sabendo,,ele me mandou deitar com a bunda pro alto e me lambusou com cuspe,o pau dele era maior que os outros e eu cheguei a desmaiar depois dele gosar fui pra casa com o cu totalmente arrombado e o buraco custou a feixar; um dia minha madrasta ficou sabendo de quase tudo e convenceu meu pai a se livrar de mim dizendo que eu era uma safada,mas ela so soube que eu fazia com uns garotos,eu acho,pois ela nao falou de adultos;bem,com isso fui mandada pra casa de meu avô pai de minha mae,alias, eu nao conheci minha mae pois ela sumiu quando eu tinha meses, e meu avô eu so tinha visto umas duas veses; cheguei na casa de meu avo e ele ja me esperava pois meu pai tinha conversado com ele dizendo que iria viajar pelo trabalho e nao podia me levar,meu avo era ainda bem novo e morava sozinho,ele tinha uma empregada e ele so curtia a vida,ele me mostrou meu quarto e a empregada arrumou minhas coisas,a empregada foi embora e ele veio conversar comigo,falou coisas comuns da rotina da casa e disse que ia me colocar num colegio proximo,eu ja estava gstando dele pois era carinhoso e atencioso comigo,eu tinha uma TV. so pra mim e comia muitas coisas gostosas,ua noite depois da janta ele me chamou pra conversar e quiz saber da verdade de eu ter vindo morar com ele,tanto ele incistiu que acabei contando e ele com jeitinho desobriu tudo,me mandou ir dormir e durante o dia nao tocou mais no assunto, quando chegou a noite ele me chamou,meu avo e magro tem 1.70 de altura e pesa uns 60 kg,mas quando ele me chamou ja estava com seu pau duro e pra fora da bermuda,eu fui direto e comessei a chupar,ele segurou minha cabeça e fudeu minha boca,seu pau embora duro era macio e gostoso de chupar,ele gosou e eu engoli seu leite,ele me pegou no colo e me levou pro quarto,ma chupou toda e era muito carinhoso,passou um creme cheiroso ma minha bunda e meteu,eu gostei tanto que nao queria que acabasse, passei a dormir com ele e faziamos todos os dias,comecei a estudar e meu avo disse que queria me ver formada,quando fiz 12 anos ele tirou meu cabaço e ele passou a usar camizinha,hoje faço o 4 periodo de odontologia e estou gravida de cinco meses,meu avo e um maridao.hoje escrevo minhas aventuras antes de ir morar com ele, e as aventuras dele com minhas coleguinhas .. .

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 2 votos)
Loading...