,

Papai meu Amante

Há 3 anos 24 ★ 5.00

Oi!
Meu nome é Tânia,moro em Minas,casada,uma filha pequena o relato que irei contar é sobre um caso que tive com meu pai,aconteceu sem planejarmos nada,simplesmente aconteceu e deixamos rolar,sem traumas,cobranças,foi uma experiência muito boa.
Vamos lá ao conto.
Como falei antes,somos de Minas Gerais,meus pais alugaram uma casa no litoral do Espírito Santos para os meses de Janeiro/Fevereiro,fui com meu marido e filha e meus pais e somente para o carnaval é que chegariam mais gente.
Meu marido precisou embarcar para o trabalho, e fiquei com meus pais na praia,tudo transcorria normal,de dia praia,passeios a noite feirinhas,conhecendo bastante gente.
Meu pai gosta de beber umas cervejinhas, como meu marido não estava,eu fiquei como sua parceira,pois minha mãe não bebe,fizemos churrasquinhos e dançamos muitos.
Certo dia o tempo estava fechado, com previsão de chuva,ficamos em casa jogando conversa fora,meu pai tinha levado o aparelho de canais de tv e ficamos vendo filmes.
Lá pelas tantas minha mãe levou minha filhinha para o quarto,pois estava chuvendo com trovoadas,fiquei na sala com meu pai, vimos a programação e iria passar um filme muito bom,falei que iria tomar um banho preparar a pipoca para assistirmos. Depois de tudo preparado,passei no quarto para levar a pipoca para minha filha e ela já estava dormindo,minha falou que também estava com sono e disse assim que o filme acabasse eu levaria ela para cama, me falou para deixar ela ali. Sai e puxei a porta.
Trouxe a pipoca e a cervejinha pro meu pai e ficamos esperando o filme começar.
Estava frio,fui no quarto e peguei um edredon,meu pai já tinha se deitado no sofá e pediu para deitar ali com ele,nos cobrimos e ficamos vendo o filme,tudo transcorria normal, certo momento do filme apareceu umas cenas de sexo bem picante,nunca tinha assistido um filme assim com meu pai,as cenas estavam boas,fiquei excitada e de repente sinto o pau do meu pai encostando na minha bunda,eu estava de calca de pijama fino e calcinha e sentia o volume roçando bem discretamente,fiquei quietinha ele então me puxa mais ao seu encontro,envolvendo seus braços envolta do meu corpo,sentia sua respiração no meu pescoço,não sabia se prestava atenção no filme ou imaginava o que poderia acontecer,ficou assim um bom tempo, o filme continuou normal sem mais cenas picantes e meu pai relaxou,falou que iria dar uma pausa no filme,pois precisava ir ao banheiro,sai e fui ao meu quarto e reparei minha calcinha toda molhada,minha buceta estava encharcada,tirei a calcinha e fiquei só com a calça, ele pegou mais uma cervejinha,ficou olhando para janela para ver o tempo e falou que iria continuar com o filme,sentei em outro sofá e antes de começar ele me perguntou se minha mãe e minha filha estavam dormindo,fui lá no quarto e elas estavam abraçadinhas,puxei a porta e comentei com ele,que estavam dormindo. Fui sentar no outro sofá e ele me falou fica aqui do meu lado, senão vou acabar dormindo,resisti e ele insistiu e fui. Me ajeitei e ele me envolveu em seu corpo,ficamos assistindo e percebi seu pau crescendo, ele ficou me encoxando discretamente e eu deixando,ele então começa a me dar beijinho no pescoço dizendo que estava cheiroso e se esfregando devagar na minha bunda eu estava gostando,passava a mão na minha barriga e continuava a beijar meu pescoço e de repente ele volta a cena do casal trasando,nada falei,deve ter percebido que fiquei quieta,pegou minha mão e colocou em seu pau por cima do short e beijava meu pescoço bem devagar,tirou o pau para fora e senti ele todo melado,grosso,subi e desci e subi minha mão,ele então puxa minha calça até o joelho e ajeita seu pau na minha buceta e vai enfiando devagar,suspiro de prazer uma pica grossa,maior do que meu marido,preenche toda minha buceta e fica beijando meu pescoço e segurando meus peitos e apertando e fala no meu ouvido,rebola na pica,rebola,estava dominada,estava gostando ele então dá umas estocadas e diz que vai gozar eu já estava gozando e enche minha buceta de porra. Ficamos mais um tempo e depois falei que iria tomar um banho e dormir,me beijou no rosto e me deu boa noite.
Entrei no banheiro e estava toda melecada,minha buceta escorria a porra,tomei meu banho,coloquei uma blusa de malha longa e fui dormir.
De manhã minha mãe foi pegar um biquíni para minha filha que iriam á praia. Saíram e continuei deitada.
Passado um tempo meu pai abre a porta e me chama para levantar que o dia estava bonito,como continuei deitada de bruço ele puxou o lençol e falou,seu marido é uma cara de sorte,acordar com uma bunda bonita dessas,não tem como ficar excitado,sorri e chamei ele de bobo. Ele então deita sobre mim e tira seu pau e vai colocando na minha buceta,sem nada falarmos,sinto me preencher e ele estocando,tira a minha blusa,me deixando pelada,se vira na cama e me coloca deitada em seu peito com o pau enterrado na minha buceta,aperta meu seios,levanta minhas pernas me deixando tipo franguinho asado e soca a pica na minha boceta,beijava meu pescoço e eu gozava alucinada,gemia,urrava,pedia para não parar e ele falou que iria gozar e me encheu de porra.
Saímos para a praia,chegamos lá não demorou e minha mãe falou que iria embora pois já estava quente demais para minha filha.
Ficamos bebendo umas cervejinhas e conversando. Não falamos nada do ocorrido,parecia que era normal,que éramos casados.
Então perguntei sobre a relação de sexo dele com minha mãe,disse que minha mãe ficou um pouco frigida em relação ao sexo,mas acontecia de vez em quando,sem muitas frequencia como antes. Falei que ele era muito fogoso e que minha mãe não deve ter agüentado,rimos.Falei que gostaria que meu marido fosse assim. Ele disse que não sai procurando mulher,esta mais sossegado,mais se acontecer algo inusitado ele aproveita. Perguntei se ele tinha amantes,disse que não e que gostava da minha mãe e que já tentou fazer a cabeça dela para algumas fantasias. Fiquei curiosa e perguntei o que era. Disse que tentou fazer a cabeça de minha mãe em transar com outra mulher,ela sempre resistiu,pegava filmes de lesbicas e aos poucos ela foi cedendo,restava saber qual mulher,tinha medo de alguém descobrir,fomos para outra cidade e nada,mulheres de programas e nada,disse que eu era solteira e estava terminando a faculdade e minha tinha medo de alguém descobrir e me contarem. Ai meu pai falou que quando eu estudava e ia umas colegas minhas para estudar junto e que tinha uma menina do grupo que sempre o encarava e quando tinha oportunidade sentava no colo dele,fiquei abismada e perguntei quem era,disse que era Soninha, fiquei espantada e disse que ela sempre foi atirada para homem,desde novinha e então ele falou para minha mãe o que estava acontecendo e ela ficou puta de raiva,disse que a acalmou e falou que ali estava uma oportunidade de transar a três, minha mãe respondeu que era uma menina,disse que já tinha dezenove anos e já transava,depois de tanto insistir ela topou,fiquei de boca aberta, disse que armou tudo,um dia quando eu tinha viajado para casa da minha avó ele disse a Soninha que minha mãe foi junto comigo e ela foi lá para casa.
Disse que quando estava no meu quarto e Soninha pelada e chupando o pau dele,minha mãe apareceu e Soninha tentou correr,meu pai a segurou e disse para se acalmar,ela queria ir embora,minha mãe segurou ela pelos cabelos e disse que era para terminar o serviço,ela se ajoelhou e continou a chupar,minha mãe foi tirando a roupa e deitou na cama,meu pai mandou ela chupar minha mãe ela não quis,minha mãe falou para ela fazer o que ele mandava,senão iria contar para todo mundo o que aconteceu,ela aceitou e foi chupando minha mãe, eu estava abismada com a historia e meu pai terminou dizendo que foi muito gostoso,minha mãe gozou demais e que ele adora comer um cuzinho e quando ia comer o da minha mãe e Soninha chupar a buceta dela,minha mãe mandou ele comer o da Soninha,ela tentou sair,dizendo que nunca tinha feito,que iria doer,mas não adiantou,fizeram um 69 e meteu no cuzinho da Soninha,disse que gozou bastante. E terminou dizendo que essa foi a primeira vez da minha mãe com outra mulher e que Soninha foi se afastando aos poucos.
Saímos para caminhar na praia,chegamos em uma pedras,fomos entrando por dentro dela e avistamos toda extensão da praia,meu pai disse que era um bom lugar para uma transa rápida,pois devidos ter algumas pessoas na praia. Disse que era perigoso,então ele tirou o pau para fora e mandou eu chupar que iria ficar vigiando,me ajoelhei e cai de boca em sua piroca,mamei,lambi,enfiava até onde dava e me engasgava e não demorou muito ele disse que minha chupada era muito gostosa e que iria gozar,pediu para engolir,tentei tirar e ele segurou minha cabeça e engoli sua porra que escorria pelo canto de minha boca.
Fomos embora para casa, conversando,perguntei se ele não tinha algum tabu,sobre transar com sua filha. Disse que não, que me amava como filha e eu era uma mulher muito gostosa e que gosta de sexo,poderia ser com ele ou outro homem mais velhos, disse que o incesto em alguns casos são normais e que tinha amigos que trasam com suas irmãs,mesmos eles sendo casados e posuindo outras famílias e quando surgem uma oportunidades eles transam.
Me perguntou se tinha alguma fantasia,disse que nunca havia pensado nisso,mas desconfiava do marido que deveria ter.
Meu pai me falou que tinha o maior tesão de transar com duas mulheres e seu eu um dia quisesse,para falar com ele,disse que nunca tinha pensado nisso.
Minha mãe se enturmou com uma vizinha e foi para uma feirinha levando minha filha,ficamos a sós de novo.
Tomei um banho no chuveirão e continuamos a beber,logo depois ele me chama na sala,tinha colocado uns travesseiro no chão e disse que iria comer meu cuzinho,disse que o pau dele era grande e iria doer e quando omeu marido tentou comeu machucou,disse que iria fazer com carinho,foi me colocando na posição,mandou empinar bem a bunda,abri com as duas mãos,arregaçar bem e passou bastante pomada analgésica e foi apontando,tentei retrair,mandou eu relaxar e apontou a cabeçona,foi forçando e passou a cabeça,tentei sair e ele segurou pela cintura e mandou ficar quietinha,enfiou tudo e relaxou,depois foi bombando devagar, estava gostando,gemia,ele tirava e colocava tudo de novo,eu dava gritinhos e ele começou a socar,mandou eu ir deitando,fiquei totalmente deitada e ele gemia no meu ouvido,que cu gostoso,delicia,quanto tempo não como um cu tão gostoso,perguntei se era melhor do que a Soninha,disse que o meu era melhor de todos,começou a socar,eu gritava de tesão e ele socando,dizendo que meu cú seria só dele e deu mais uma três estocada e encheu meu cu de porra. Estava saciada,tinha encontrado um homem que sabia me comer de todas as formas. Pela primeira vez nos beijamos como um casal de amantes.
Meu marido estava para chegar,disse que ficaria mais difícil,me falou que encontraria um jeito de a gente transar.
No dia que meu marido ia chegar,de manha ela vai no meu quarto,me fode gostoso no cu,na buceta,chupei aquela pica deliciosa e falou que iria encher minha buceta de porra e que não era para tomar banho e mandar meu marido chupar minha buceta com o gosto da porra dele. Sorri e disse que ele era doido,disse que faríamos muitas sacanagens juntos.Meu marido chegou e logo me levou pro quarto, chupou muito minha boceta com a porra de papai,disse que estava muito gostosa,juro que gozei horrores vendo ele chupar minha buceta toda melada.
Passei a ser amante do meu pai e sempre vem comer meu cu.

Um beijão.
Tânia.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 2 votos)
Loading...

,

24 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Jhon

    Oi Tânia me chama no e-mail [email protected] pra mim contar minha experiência

  2. ayrton

    Que delicia

  3. behh

    [email protected]

  4. Janete Souza

    Tânia adorei seu conto maravilhoso

    PARABÉNS
    Beijos

  5. Anônimo

    Tânia que conto maravilhoso Delicia queria está no ligar dela adoro coroa
    PARABÉNS
    BEIJOS

  6. anonimo

    Muito bom

  7. Pepe

    Muito bom

  8. Doni coroa

    Que delícia de conto tesão puro adoro incestos sou praticante bjs parabéns se quiserem conversar [email protected]

  9. miul

    n gostei, falso pra krl

  10. Byra !

    OI Tania gostaria de ter um filha como vc , amei e gosei com o seu conto. Sua espontaneidade e naturalidade me deu um tesão enorme E- mail : [email protected]

  11. Anônimo

    Videos d incesto p trocar… 48 96376761

  12. Rikelmi

    Muito bom ki mulher gostosa vc deve ser, meu zap pra gente conversa(62)82432896

  13. Gaby ????

    Oii sou gaby tenho apenas 14 anos..
    Vou manda foto pra quem me coloca crédito..
    Quem já coloco sabe que mando sim..
    Primeiro a pessoa me coloca crédito e dps recebe a foto..
    O valor da recarga vai definir a foto.. Qqr coisa chamem whats.. Mais soh chamem se for colocar..????????????????????

    04691361058..

    • q

      Quero colocar crédito gata!

    • Mylton

      Manda seu número no meu e_mail [email protected]

  14. Olha eu aki

    Parabéns conto muito excitante sou um Negrão que adoro sexo meu zaap e 81984849442

  15. Gozador

    Estou a procura de mulheres casadas ou solteiras para sexo bem gostoso que residam em São Paulo (capital).
    Posso receber na minha casa em horário combinado.
    Whatsapp: 1198359-0784

  16. carlos

    Muito bom conto
    Kero conhecer gente assim.
    11982201460

  17. jaqueline Ashey jud

    noooossa que tesão ,mindeu uma vontade tão grande de faser

    • q

      Oi Jaqueline!

    • Tânia

      Oi Jaqueline! Que bom que gostou, já realizou incesto? me conte seus desejos. Mande seu contato.
      Beijão

    • Luan

      Muito bom o contos Tânia, gostei muito e está d parabéns!

      Email: [email protected]

  18. Anônimo

    Que delícia adoro insesto

  19. Cleverton

    Adorei o conto q delicia ,me manda mais histórias suas [email protected]