# # #

Cliente Gostosa “casada”

1078 palavras | 2 |4.80

Olá, não revelarei meu nome, vou me Olá, não revelarei meu nome, vou me chamar de André. Sou mulato, olhos castanhos escuros, 30 anos, 1,76cm de altura e 88kg. Sou casado a sete anos, amo minha esposa e família, mas depois do nascimento de nossa filha a nossa vida sexual morreu, eu me resumia a filmes pornôs e ponhetas. Pois não queria trair minha esposa, por princípios. Até… Sou taxista a cinco anos já tinha acontecido alguns lances mas nunca algo como irei relatar. Tenho varias clientes mulheres, e na sua grande parte casadas e lindas… Mulheres de todo tipo, magrinhas, cheinhas, saradas, cavalas etc…
Chamarei ela de Bianca. Bianca era casada, branquinha, baixinha, bunduda, cheinha, seios fartos e um rosto lindo, cabelos lisos no ombro, castanhos e sempre cheirosa. Eramos praticamente amigos não somente taxista e cliente ela era uma pessoa muito próxima, com isso ela acabava me confidenciando coisas sobre a sua vida, em todos os aspectos. Um belo dia recebo uma ligação dela me pedindo para busca-la no centro da cidade algo normal até então, peguei ela no lugar de costume como sempre mas tinha algo de diferente nela, ela estava maquiada como nunca tinha visto antes, usava um vestido soltinho mas que ficava super lindo no corpo dela, e meias calças pretas com um sapato velho de salto bem alto que combinava com a cor do baton e do esmalte dela um vermelho bem forte. Mas ela estava trise, chorosa e começou a dizer que não aguentava mais tanto desprezo e começou a relatar o que avia acontecido. Ela tinha se programado toda para fazer uma surpresa ao marido no trabalho dele, lingerie nova, com direito a espartilho e sinta liga, maquiagem e depilação completa, ela estava lisinha igual veio ao mundo kkkk… E ele simplesmente a desprezou e então pela primeira vez ouvir o termo. P.A. Ela me disse preciso de um P.A. e eu sem saber perguntei o que seria e ela olhando nos meus olhos, mordendo os lábios, suspendendo o vestido mostrando a pata de camelô dela ela falou PAU AMIGO…!
Na ora eu gelei e meu coração passou a palpitar mais forte, pois não sabia o era uma buceta a mais de um mês kkk… E olhando ela de cima a baixo disse VOCÊ TEM UM P.A. EM SUA FRENTE…!
Ela não perdeu tempo deu um bote certeiro em meu pau abrindo a calça e o tirando para fora, ela já se encontrava-se borrachudo “tenho 17cm de PAU, torto para a esquerda, grosso e com uma Cabeça ENORME” ela começou a mama-lo ali mesmo que delicia, levei o carro para uma avenida deserta onde muitos casais transam porém a noite e não na luz do dia como estava. Ela o chupava parecendo um bezerro desmamado quando encontra a mãe, parecia que ela queria literalmente me suga pelo o meu pau. Confesso que ela era profissional no boquete, delicioso tanto que não aguentei mais e gozei todo o leite na boca dela e para minha surpresa ela o continuo chupando me levando a loucura, vi estrelas delirava com o pau na boca dela, me contorcia e pedia para que ela parasse mas quanto mais eu pedia e falava mais ela me chupava até quando eu a sentir a massagear o meu saco dando fortes e rápidos apertos caralho… Eu suava estava no ápice quando do nada ela para, para com tudo olhando para meu rosto com um sorriso devasso na boca e diz. Pro motel mais próximo, há por minha conta. Não contei conversa e fui o mais rápido possível, com cinco minutos já estávamos na garagem do quarto e ela a essa altura sem o vestido.
Nossa… Pela primeira vez pude ver o quanto ela era linda, sexy e super sensual, um ar angelical mais com um olhar forte e pecaminoso!
Começamos a nos beijar ali mesmo no carro e ela foi tirando minha roupa com grande maestria saímos do carro e a coloquei no capô do carro, fui beijando a boca dela e descendo pelos seis, umbigo ate chegar em sua buceta que a essa altura estava super encharcada, colocando a sua calcinha de lado pude então retribuir o seu mágico boquete com uma bela chupada…
Comecei brincando com os grandes lábios, depois os pequenos ate chegar no pinguelinho dela. Eu agora que parecia um homem no deserto com cede quando encontra um fonte d’água eu queria todo aquele liquido gostoso na minha boca eu chupava, eu mordia, eu lambia eu esfregava a minha cara naquela buceta, senhora buceta, era um bucetão de kg.
Não demorou muito e ela gozou em minha boca perdendo a minha cabeça entre as pernas dela e esfregando com força o meu rosto contra sua buceta, fiquei todo lambuzado com aquele mel delicioso. Ela me puxou pelos cabelos e começamos a nos beijar de uma forma muito ardente e sensual, não tínhamos o controle dos nossos corpos, quem nos controlava era o tesão, o desejo, o querer, a vontade de nos ter um nos braços do outro. Nossas mãos percorriam livres cada cm, cada curva dos nossos corpos, desbravando lugares, sensações e prazeres, nossas línguas por certos momentos pareciam ser somente uma. Nossos suo se misturavam, nossa respiração ofegante era como música para nossos ouvidos, até que ela começou a rebolar e eu a roçar nela, meu pau e buceta dela se abraçavam mas sem penetração somete ralando, esfregando, rebolando e roçando até quando ela sussurra em meu ouvido dizendo Goza comigo, e sim gozamos sem penetração e te digo foi maravilhoso…!
Uma das melhores gozadas de minha vida!
Ela me arranha e mordia a minha orelha e o seu pescoço lhe apertando a bunda, ficamos ali por alguns minutos recuperando o folego e esperando a ficha cair para ambos kkkkk…
Depois percebemos que não eramos culpados e se vítimas e lhe digo, foram seis horas de puro sexo!
Repetimos a doze por varias vezes, até
Ela mudar de cidade, ela largou o marido mais não nos encontramos mais.
Espero que tenha gostado!
Meu email é:
[email protected]

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,80 de 5 votos)

# # #
Comente e avalie para incentivar o autor

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Sthefan ID:gqbzyy0zjr

    Mulheres a fim de desabafar meu.zap 986947501

    • Andréia ID:1dak6ftm9d7

      Qual o DDD??