# #

Final de Semana da Chácara de um amigo

1265 palavras | 5 |4.45

O que vou contar aconteceu comigo em 2012, eu trabalho com eletricidade, um amigo pediu se dava para eu fazer um serviço na chácara dele, trocar a fiação, como eu estava de ferias me prontifiquei em fazer o serviço, e combinamos que eu iria para lá na quarta feira, na chácara tem um senhor que e caseiro Antônio, uma pessoa legal muito prestativa, de meia idade deve ter uns 55 anos mulato, a pesar da idade é uma pessoa bem conservado, forte, como eu sou casado combinei com a minha mulher e fomos, chegamos lá por volta de umas 9 horas da manha, a chácara muito bonita, piscina, eu logo tratei de começar o serviço, minha mulher foi para a cozinha preparar nosso almoço, como e chácara e só estava eu e ela, ela ficou de bi quine, e modesta parte minha mulher e muito bonita e gostosa, tem umas pernas lindas, uma bunda saliente carnuda, e que adora se mostrar, fico louco de tesão quando vejo os caras olhando para ela, me deixa muito exitado, tem colegas que acha que ela me chifra, mais eu confio nela, mais na verdade ate gostaria que ele metesse com outro mais depois me contasse ou eu assistir ela metendo.
Comecei a fazer o serviço o caseiro o Antonio veio me ajudar, ela pensando que estávamos sozinhos veio ate mim só de bi quine e aquele bi quine, com aquele bundão todo a mostra, na frente nossa dava para quasse ver os lábios da boceta, o Antonio arregalou os olhos, minha mulher me falou você não falou-me que tinha gente aqui, eu respondi a ela não se preocupe o Antonio e de casa pode ficar a vontade, ai ela relaxou, o Antonio não tirava os olhos dela, e notei pelo volume que ele havia ficado exitado, ficamos conversando e eu perguntei em Antonio você mora sozinho aqui, ele me respondeu que sim, a chácara era um pouco retirada da pista e do povoado, eu perguntei nem uma namorada por ai, ele disse é de vez em quando aparece alguma coisa, mais já faz um tempinho que não sei o que é uma mulher, eu aproveitei e disse a ele e agora vê uma quasse pelada da para ficar exitado, ele riu, e não falou nada .
Hora do almoço fomos almoçar minha mulher do mesmo jeito, eu não podia beber pois estava trabalhando, mais ela já tinha tomado umas caipirinhas, cada vez que debruçava no fogão o Antonio não sabia o que fazer, e ela percebeu, ofereceu uma caipirinha a ele, ele aceitou, terminamos o almoço o Antonio foi ate sua casa, eu então falei para minha mulher ele deve ter ido bater uma punheta, ela já com umas caipirinhas na cabeça me respondeu que desperdício, eu me fiz de bobo, perguntei porque desperdício, ela respondeu desperdiçar a porra poderia gozar em outro local mais gostoso, eu perguntei e mesmo, teria coragem, o meu pau e pequeno 14 cm e pelo volume do Antonio deveria ser bem maior, eu falei ele deve ter um cacetão, ela riu e disse e mesmo, você disse para eu não me preocupar que ele e de casa, não foi o que você disse, eu respondi que sim, e aproveitei falei fica a vontade, ela voltou a rir e disse e mesmo posso ficar a vontade, eu respondi que sim, posso ficar pelada, eu respondi, se você ficar pelada o Antonio vai te estuprar, ela respondeu esta é a ideia, voltei ao trabalho, seu Antonio veio me ajudar.
Quando foi lá pelas 17 horas eu parei de trabalhar, já estava com o serviço bem adiantado falei par o Antonio que agora era a hora de se divertir tomar umas, nossa o calor estava de mais comecei tomar uma cervejinhas e perguntei em Antonio tem algum problema tomar banho pelado na piscina, ele respondeu que não ficam a vontade, minha mulher já estava bebendo eu já tinha tomados algumas cervejas também, o Antonio e minha mulher estavam tomando caipirinhas, minha trouxe mais bebidas para nos, eu falei a ela amor o Antonio disse que pode tomar banho pelada na piscina, ela riu e disse e mesmo posso mesmo, eu respondi claro que pode, não pensei que teria coragem, mais eu estava louco que ela topasse, ela tirou o bi quine ficou peladinha na minha frente e do Antonio, aquela boce tinha raspadinha, e perguntou eu vou sozinha, eu disse vai indo que já vamos, tomei mais uma cerveja e perguntei para o Antonio tem coragem, ele respondeu se você liberar claro, eu fui tomei uma ducha ele e fui para a piscina pelado também, logo chegou o Antonio não acreditei o cara tem uma rola que da medo, grossa cabeçuda 22 cm e dura que nem pedra, olhei para minha mulher e dei uma risada e perguntei vai encarar, ela respondeu nossa e grossa mesmo mais eu vou, você vai deixar mesmo, eu respondi depois desta você ficar pelada na frente dele, agora e só foder de verdade, ele caiu na piscina, foi se chagando abraçou ela e colocou ela na borda da piscina e começou a chupar a boceta dela, nossa ela gemia muito, se abriu todinha ele puxou ela e dentro d!água mesmo começou a penetrar aquela rola nela, nossa ela reclamava resmungava, mais ele não queria nem saber socou tudo dentro dela e acabou gozando dentro, saímos da piscina fomos para dentro da casa eu comecei a chupar a boceta dela toda cheia de porra, deixei a casa aberta o Antonio chegou e veio meter na cama, meteu de novo na boceta dela, e depois começou a tentar foder o cu dela, nossa ela gemeu chorou mais ele meteu a rola todinha no cu dela, não aguentei acabei gozando na boca dela, nossa que delicia metemos por um bom tempo e fizemos um lanche e fomos dormir.
No dia seguinte ela me disse amor não acredito o que fizemos, eu perguntei você gostou ela me respondeu adorei, e perguntou hoje vamos de novo, eu sei que metemos todas as noites com o Antonio, na Sexta feira não esperava que meu amigo Flavio o dono da chácara iria chegar, bem porque já tinha passado das 22 horas, ele entrou sorrateiramente sem faze barulho e acabou nos flagrando o Antonio metendo com a minha mulher, eu sai fui conversar com ele pedi desculpas, ele me respondeu que não tinha que lhe pedir desculpas, a mulher e sua fica a vontade, e perguntou posso participar também, o que iria responder acabei dizendo que sim, o Antonio gozou saiu e foi embora, minha mulher ficou na cama eu fui ate ela dei uma chupada naquela boceta toda esporrada chupando aquela porra toda, e disse a ela que o Flavio havia chegado e viu ela metendo com o Antonio, ela levantou foi tomar um banho, voltou toda perfumada arrolada na toalha , apresentei ao Flavio e não demorou muito os dois já estavam na cama metendo, nossa final de semana metemos muito, ate as rolas eu chupei, pedi sigilo a eles sobre o acontecido, no domingo fomos embora, satisfeitos, mais agora sempre que da a gente vai ate a chácara meter com o Antonio e com o Flavio, foi muito bom hoje somos outras pessoas bem mais alegres, foi maravilhoso.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,45 de 11 votos)

# #
Comente e avalie para incentivar o autor

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder bio ID:bf9drleqrk

    mee chama na proxima
    te dou uma recompensa
    gozo na sua boca
    [email protected]

  • Responder Anônimo ID:5unpwbbbql

    Whats seu corno 92491972

  • Responder tony ba ID:2xbuy5nnv9i

    Amigo Corninho. O meu desejo é esse. Ver outros fodendo e gozando na minha mulher pra eu de quatro lamber e chupar tudo, também os cacetes deles e se ela pedir eu deixaria ser enrabado. [email protected]

    • [email protected] ID:bf9vhgh6ia

      Aceito o convite para comer sua mulher !

  • Responder macho ID:vwx96n5q

    porra seu corno bosta