Apostei com meu amigo e perdi!

Olá me chamo Carlos e irei contar agora como meu amigo comeu minha esposa.Primeiramente irei descreve-la…baixinha 1,48 cm, 48 kilos, pele bem branca, cabelos avermelhados, um par lindo de olhos verdes seios pequenos mas empinados, não tem muita bunda mas quando ela fica de 4 a mesma cresce e fica uma delicia.
Para não perder tempo vou adiantar o papo e dizer que estávamos só nós três em nosso sitio e abri o jogo para esse meu amigo sobre minha fantasia de ver minha esposa nos braços de outro homem.Claro que meu amigo pirou e topou o desafio na hora, mas falei que dependeria do xaveco dele e que eu deixaria a vontade para convence-la e assim ele foi pra cima dela.
Sabia que minha esposa tinha um certo tesão por esse nosso amigo, porque certo dia ela me confessou, mas ao mesmo tempo tinha quase a certeza que ele não conseguiria pegar minha esposa…puro engano meu!
Quando meu amigo foi ao encontro dela eu fui para um outro quarto que fica fora da casa principal e falei que iria dormir e pedi a ele para avisa-la,era puro fingimento meu,mas acabei dormindo mesmo por umas 3 horas.Despertei assustado, sai do quarto e não avistei nenhum dos dois e claro que fui direto para casa já imaginando que os dois estavam conversando sentados no sofá.
Olhei pela janela da cozinha em uma posição que os dois não me viam e de fato estavam conversando, mas percebi o semblante de minha esposa que conheço muito bem. Ela estava com o rosto muito perto do meu amigo, estava com aquele sorriso safado dela e mexendo o cabelo, pronto para dar o bote nele…dito e feito.
Ela o puxou e meteu um baita beijo na boca dele e quase ao mesmo tempo meu amigo sacou o pau dele pra fora e a safada o segurou forte e começou a sacar uma punheta bem lentamente. Depois de uns três minutos se beijando ela caiu de boca no pau dele e que por sinal não era muito grande e deveria ter uns 17 cm,mas muito grosso!
Fiquei com tesão que nunca senti na minha vida e ao mesmo tempo minhas pernas tremiam e pirei quando ela minutos fez meu amigo gozar na boca dela e nem ele acreditou quando em seguida de limpar todo o pau dele, ela se levanto o puxou do sofá segurando-o pelo pau e o levou até nossa suíte fechando a porta com a chave.
Na hora fui até a sala e sentei no sofá e em menos de 20 segundos escutei o primeiro gemido dela e quase ao mesmo tempo escutei a bateção de coxas dos dois.Bom o resto conto para vocês na segunda parte ok?

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,00 de 2 votos)
Loading...