Professora Seduzindo os Garotos

Tinha prometido ma mim mesma parar de trair meu marido.
Não estava indo mais na casa do Pedro e da Renata alguns dias. É verdade que eu sentia falta de sexo, meu marido anda num baixo astral terrível.
Mas mesmo quando a gente não quer que aconteça, as coisas acontecem.
Tenho alguns alunos com problemas de recuperação e como esta chegando o fim do semestre, resolvi ajudar dois deles com aulas particulares em casa.
O Marcos tem 16 anos e o Junior 17. São garotos bonitos, espertos, mas como não prestam muita atenção na aula acabam tirando notas baixas.
Eles vão a tarde na minha casa e repassamos as lições.
Numa dessas tardes paramos para tomar um café e a conversa rolou para o lado das namoradinhas deles. Marcos falava que sua namorada era muito tímida e não deixava ele fazer quase nada nela e que ele era virgem, e o Junior disse que não tinha namorada e que também era virgem.
Não sei porque , mas aquela conversa me fez ter pensamentos pecadores. Não sei se era falta de sexo, mas o fato é que fiquei com muita vontade de introduzir aqueles moleques no sexo.
No dia seguinte quando eles chegaram eu usava um short super curto e uma camisa bem decotada. Reparei que os meninos notaram, mas fizeram de conta que estava tudo normal.
Eu estava sentada no meio dos dois explicando as lições e de vez em quando passava a mão nas coxas dos meninos para provoca-los e não deu outra. Quando levantei e chamei-os para o café os dois estavam com o pau duro e dava pra ver claramente na calça deles o volume que se formava.
Perguntei com um sorriso irônico se eles queriam ir fazer xixi e eles riram com a brincadeira e daí o Marcos emendou:
– A senhora é muito bonita e gostosa professora.
– Obrigada Marcos, vc tbem é muito bonito.
– Sabe que nunca vi uma mulher nua de verdade professora?-o Marcos falou.
– Como assim de verdade?.respondi.
– Ah! Só vejo nas revistas.
– E vc Junior, já viu ? – perguntei.
– Também não professora.
Ficamos em silencio alguns minutos e depois resolvi falar. Afinal eu realmente estava a fim de saber como seria iniciar dois pirralhos.
– Bom, se vcs me deixarem ver vcs sem roupa eu deixo que vcs me vejam também.
– Eu topo. Respondeu o Junior.
– Eu tbem. Disse o Marcos.
Então eu sugeri que jogássemos um dado. Quando desse um numero par eu tiraria uma peça da minha roupa e quando desse impar cada um deles tiraria uma peça da roupa deles.
Eles toparam na hora.
Bom, pra encurtar a estória, chegamos num ponto onde o Marcos e o Junior estavam de cuecas e eu de calcinha e sutien.
Daí eu disse que tiraria o sutien para ficar igual a eles e foi o que fiz.
Eles arregalaram o olho e o volume dentro da cueca deles aumentou consideravelmente.
Jogamos o dado e eu tive que tirar minha calcinha. Os olhos deles brilharam ao me ver nua. Daí eu disse que eles deveriam tirar também a cueca pra cumprir o trato e eles abaixaram , meio que envergonhados a cueca.
Olha, o pau deles não deixava nada a desejar. Se não eram enormes, eram bastantes atraentes. Estavam apontados para o alto de tão duros.
– Bem e agora garotos, o que vcs querem fazer? Colocar a roupa de novo?
– Não, deixa a gente ver sua bunda professora?
Eu me virei e deixei que eles apreciassem minha bunda. Eu estava molhada com aquela brincadeira.
Quando me virei os dois estavam começando a se masturbar.
– Querem me tocar ?. Perguntei atrevida.
– Claro. Eles responderam em coro.
– Então com calma. Vamos para meu quarto. Eu disse.
Enquanto o Marcos passava a mão em meus seios, minha barriga e minha xaninha, o Junior passava a mão em minhas costas e minha bunda. Eu estava tão excitada que sentia meu liquido escorrer da minha vagina.
Depois de um tempinho eles trocaram de lugar.
Foi quando eu falei que tambem queria toca-los.
Primeiro foi o Marcos. Fiquei bem perto dele e comecei a passar a mão em seu peito e fui descendo. Quando senti seus pelos eu desviei do pau dele e fui para suas coxas. Ele gemia baixinho. Só depois é que comecei a acariciar seu pau. Estava muito duro e pulsava de tesão. Eu passava lentamente segurando o pau dele no meio de minha mão indo desde a cabeça até as bolas do saco. Depois comecei a punhetar bem devagar seu pau.
O Marcos começou a tremer e a gemer e então eu fui aumentando o ritmo da punheta e ele rapidamente gozou.
Ele dizia:
– Ai professoraque gostoso…….vai mais forte….
Sua porra espirrou no meu peito de tão levantado que estava o pau dele. Nós dois em pé.
Daí ele quis sentar porque as pernas amoleceram e ele sentou na cama.
O Junior estava impaciente. Resolvi presentear o Junior e a mim. Mandei que ele se sentasse na cama ao lado do Marco, me ajoelhei no chão e fui entre suas coxas.
Segurei seu pau com minha mão e sempre olhando pra ele levei até minha boca.
– Aaiiiique tesão professora…….que tesão
Juro que não deu 30 segundos e as golfadas de porra encheram minha boca.
Eu estava muito excitada. Encharcada. Minha bucetinha piscava de tesão e eu estava ardendo por dentro.
Daí eu disse a eles :
– Bom agora vcs tem que retribuir.
Eu falei e me deitei de costas na cama.
O Marcos já estava mais recuperado veio por cima de mim e começou a beijar meus seios desajeitadamente. Depois foi descendo pela minha barriga até chegar na minha xaninha.
Abri bem as pernas e deixei o garoto me lamber gostoso. E então comecei a pedir:
– Chupa Marquinhos, enfia o dedo na bucetinha da professora.
E ele obedecia e enfiava seu dedo na minha buceta encharcada de tesão.
O Junior nessa altura já chupava meus peitos.
O Marcos então veio me pedir :
– Chupa meu pau tambem professora?
– Claro Marquinhos. Senta aqui na cabeceira da cama. E vc Junior, coloca esse seu pau gostoso na minha buceta e me fode gostoso.
Fiquei de quatro chupando o pau do Marcos enquanto o Junior metia na minha bucetinha. É claro que ele não tinha muita experiência e alem disso gozou rapidíssimo de novo.
Eu já estava preocupada que ia ficar na mão sem gozar e mandei o Marcos me enrabar.
Me abri toda e ele veio por trás. Mas ele não estava conseguindo de jeito nenhum que eu tive que segurar o pau dele e enfiar na minha bunda.
Depois que entrou estava gostoso.
Eu rebolava e falava :
– Mete na titia meteme fode gostoso Marquinhossoca tudo bem fundo…..
– Ai professoraque gostosoeu não agüento…..vou gozar…….
– Nãoesperame fode mais…..mete Marquinhos
– Não agüento professorata muito gostoso
– Metequero seu pau…….mete Marcos
– Não dánão dá…….aaaaaiiiiiiiiiigozeiiiiiiii
– Deixa ele dentrodeixatambem vouuuuuuuuuuuiiiiiiiiiiii
Consegui gozar gostoso sendo enrabada pelo garoto.
Nessa altura o Junior se masturbava e também gozou de novo.
Essa foi a primeira vez que fizemos isso. Nos dias que se passaram eles conseguiram se controlar um pouco mais e eu até consegui gozar com o Junior fodendo minha xaninha.
Eu quero parar com isso, mas um desejo enorme me impede. Fico ardendo de tesão.
E meu corninho é cada vez mais corno.
layla-3000@hotmail.com

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,00 de 1 votos)
Loading...