Tarado gozou na minha calcinha no metrô

Meu nome é Sabrina tenho 23 anos e sou solteira.
Bom trabalho em consultório medico na vila mariana e moro na zona leste em Itaquera e vou trabalhar de metrô todos os dias .
E eu fui trabalhar nesse dia com uma saia  e a minha era calcinha vermelha transparente .
Então eu sair do trabalho por volta das 18:00 horas da tarde e peguei o metrô em sentido a zona norte e fiz uma baldiação na estação da sé e essa estação é cheia tem muita gente nesse horário e nesse dia estava chovendo muito e tinha muita gente para pegar o metrô que estava muito lento.
Então peguei o metrô na estação sé em sentido Itaquera que estava muito cheia e então eu conseguir entrar e ficou bem apertado e ficou um homem bem atrás de mim na faixa de uns 40 anos com cabelos grisalhos.
Eu comecei a perceber cada vez ele se encostava mais em mim e ia ficando cada vez mais perto até que comecei a senti alguma coisa encostando na minha bunda e disfarcei e dei uma olhada para trás e o cara estava  de pau duro encostando na minha bunda e como eu fiquei com medo acabei  deixando.
O cara era muito safado e começou a passar a mão na minha bunda por baixo da minha saia pegando no meu cuzinho e na minha buceta e eu já fiquei com as pernas bambas e tremendo , e então ele  tirou a mão da minha bunda e voltou a esfregar o pau dele na minha bunda que parecia ser muito grande , porque sentia um volume muito grande na minha bunda parecia que entrar na minha buceta.
Então o metrô deu uma parada de uns 10 minutos por causa da chuva e o cara se aproveitou  tirou o pau dele para fora da calça e começou a esfregar a rola nas minha pernas e não tinha outra opção e deixei e acabei ficando molhadinha.
E o cara cada vez mais atrevidos pegou e levantou  a minha saia bem discretamente e enfiou o pau dele na minha buceta por cima da minha calcinha e ficou socando e o pau dele era enorme para entrar na minha buceta e fiquei cheia de tesão e ele continuava forçando o pau dele na minha buceta e não entrou na minha buceta por causa da calcinha e ele acabou gozando na minha calcinha e eu cheguei em casa toda meladinha de porra.
Eu fiquei com medo na hora ,mais também fiquei louca de tesão e queria dar a minha buceta  para ele, mais não dava tempo porque a minha estação já estava chegando então eu desci e eu não conseguir dar o telefone para ele.
Mas da próxima vez que eu ver ele no metrô eu vou chamar ele para comer a minha bucetinha no motel.
Ai vou contar para vocês como foi.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 1,50 de 2 votos)
Loading...