Fazendo o papai de corno

Ola esse é o meu é o meu primeiro conto, nele vou relatar como comi a biscate da minha mamãezinha, podem me chamar de filhinho da putinha ok,tenho 17 anos, sou magro e era virgem até o momento que aconteceu isso que por sinal aconteceu na noite de ontem 5 de janeiro de 2017, minha mãe tem 39 anos, ela trai meu pai com outro,mas não ligo pra isso e não isso não me impede de sonhar em foder ela mais como é minha mãe me controlo. Ela trai ele tanto que ele se dormem em camas separadas ela e meu pai.
No dia de ontem 5 por conta de atraso na quitação da conta de luz, a mesma foi cortada passei o dia resolvendo isso pra no fim, eles só vieram ligar hj de manhã por volta das 9 horas, como fiquei sem energia eu e minha mas fomos pra casa do meu tio que é quase meu vizinho pra carregar o celular, fomos ela reclamo do meu pai, com os celulares carregados fomos pra casa, resolvi fazer um café fiz e levei a garrafa pro meu quarto acendi umas velas e como tenho o costume de tocar uma antes de dormir, tirei a roupa e sentei na cadeira do computador e comecei a bater uma punheta vendo uns vídeos que tinha no meu celular ,nisso não vi que minha mãe tinha levantado, pra pegar um pouco de café, ela foi na cozinha e viu que a garrafa não estava lá, aí ela foi pro meu quarto pra perguntar pra mim sobre o café.
Ela foi e não disse nada, quando ela apareceu no meu quarto ela se assustou com o que viu, rapidamente me levantei pra pegar o short pra me cobrir, ela falando baixo perguntou o que estava fazendo e se eu era louco, tentei me explicar mais antes de dizer algo ela veio se aproximando de mim dizendo que ela iria me dar uma lição e me empurou fazendo eu sentar na cadeira, ela se ajoelhou e foi pegando no meu pau,perguntei pq ela estava fazendo isso ele disse que não podia perder a oportunidade de me punir de forma diferente,com ela ajoelhada me Chupando falei que iria foder ela e maltratar ela pra descontar o que ela faz com meu pai, ela disse isso me maltrata, esqueça que sou sua mãe hj, sou sua serva hj.
Comecei rasgando a camiseta que ela estava como estava em casa ela estava sem sutiã , peguei o elástico que tinha no meu quarto e fiz um rabo de cavalo no cabelo dela, depois comecei a forçar ela a chupar meu pau, até ela engasgar quando ela engasgava eu tirava a cabeça dela, forçava de novo, levantei ela e coloquei ela sentada no meu colo, e comecei a chupar aqueles peitos meios caídos, chupei com força mordia um pouco pra provoca-la, depois resolvi brincar um pouco com a bunda molinha dela uma delícia acho um tesao ver aquela bunda balançando parecendo gelatina, coloque ela em pé e fiquei de pé e comecei a encoxala enquanto passava a mão na bucetinha dela por cima do short de legging que ela estava, resolvi comecei a puxar o cabelo dela minha mãe gemia baixinho falei no ouvido dela Hj mãe vc é minha prostituta, Ela sorriu e riu de um jeito safado.

Rasguei o short de legging dela e me ajoelhei e fui Chupando, mordendo e dando uns tapas na bundinha dela, lisinha, ele viro pro mim e tiro a calcinha bucetinha peluda mais desenhada, ela ainda pra me provocar esfrego a calcinha na bucetinha deu um beijo, e colocou no meu pau, falei mamãe fica de quatro pra mim chupar você ela fico e com as mãos abriu a bundinha dela, cuzinho rosadinho fechadinho, enfiei um dedo de trocar dele vi ele se contrair e agarra meu dedo, chupei aquele cuzinho gostoso chupei tanto que o cuzinho dela escorria a minha baba ela gemia baixinho pra não acordar meu pai ,pedi prá ela virar ela fico na posição frango assado, e comecei a chupar a bucetinha peluda dela, chupei gostoso sentindo aquele cheiro que os pelos dela exalava, com a tesao ela pego e começou a forçar minha cabeça contra a bucetinha dela, ela pediu agora me fode, vem foder a sua mãezinha, e lá fico de 4 e enfiou o dedinho dela no cuzinho, enfiei meu pau na bucetinha dela, meti com vontade com raiva com força e ela massageava o cuzinho com o dedo , ouvir minhas cochas bater nas Dela na Altura do campeonato esta vamos se lixando se meu pai ia ouvir quereriamos era prazer, ela pedia me fode, me chama de puta, abusa do corpo da mamãe, gozei dentro da bucetinha dela ,( ja que não tinha problema ja que ela fez cirurgia pra não ter filhos, creio pq já tinha em mente de ser puta) ela forçou um pouco até a minha porra começar a sair da bucetinha dela ela pego e colocava na boca, falei pra ela da um tempinho que vou foder esse seu cuzinho mãe e quero que você beba minha porra gostoso, ela disse que sim meu filhinho, coloquei ela de quatro novamente segurei no cabelo dela e comecei a meter forte naquele cuzinho, ela gemia, ela queria gritar mais não podia , mudamos de posição, eu fiquei em pé como sou bem mais alto que ela consigo levanta la com facilidade coloquei as pernas dela no meu ombro e encaixei o cuzinho dela no meu pau meti, ela falava, vai meu puto me come me arromba e eu faláva claro mãe, minha putinha que mais amo, quando fui gozar rapidamente deci ela se ajoelhou e abriu a boca mostrando a língua gozei entro da boca dela um pouco foi pro rosto dela, ela chupou meu pau e deixo ele limpinho, engoliu tudinho, ela se levantou e me beijo dei um tapa na bunda dela e falei a partir de hoje essa bunda é minha e lá disse no meu ouvido claro filhinho, pedi pra ela dormir comigo, ela aceitou ela falou que iria pegar uma roupa pra vestir, pedi pra ela dormir sem, deitamos na cama sem roupa ela pegava no meu pau e eu enrolava o dedo nos pelos da bucetinha dela, até dormimos, ela falava no meu ouvido mamãe te ama tá.
No dia seguinte acordamos e fomos tomar banho juntos ja que ela sai pro trabalho primeiro que meu pai, beijei minha mãe muito, coloquei ela sentada na privada e chupei a bucetinha de lá até ela gozar, como ela estava com pressa ela bateu uma punheta pra mim, e fez eu gozar na mão dela, ela bebeu todaa porra da mão dela. Ajudei ela a se Arrumar enquanto a beijava, passando a mão nas pernas dela, quando ela foi pro portão dei um belo de um um tapa na banda dela e falei quando a senhora chegar quero ver essa bunda cavalgando no meu pau, ela me beijo e disse que sim e passou a mão no meu pau.

A calcinha dela que ela estava usando no dia da foda ela me deu e Pediu pra sempre que eu sentisse falta dela Pra mim pegar a calcinha dela.

Bom esse é o meu relato, uns podem não acreditar,quem quiser tenho fotos da calcinha dela no meu pau, ela não deixo tirar dela uma pena, e ja vou avisar não adianta pedir pra mim mandar foto dela, ve se ela da pra vc coisas do tipo, adorei cornear meu pai, adorei foder a putinha da minha mãe. Vou deixar meu email se alguém gostou e quiser trocar Nudes conversar putaria, ou marcar algo rea

Minecraftextreme361@gmail.com
Não liguem pro nome do email tenho ele dês dos 13 anos de idade